Navegam ao meu lado...

Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós.
Deixam um pouco de si. Levam um pouco de nós.
Antoine de Saint Exupéry

Translate to Arabic Translate to Bulgarian Translate to Simplified Chinese Translate to Traditional Chinese Translate to Croatian Translate to Czech Translate to Danish TTranslate to Dutch Translate to English Translate to Finnish Translate to French Translate to German Translate to Greek Translate to Hindi Translate to Italian Translate to Japanese Translate to Korean Translate to Norwegian Translate to Polish Translate to Portuguese Translate to Romanian Translate to Russian Translate to Spanish Translate to Swedish
Download this Cross-Cultural Communication Tool from Get International Clients

Cristo é a operação combinada — o encontro do finito com o infinito, tempo e eternidade se encontrando e se fundindo. Osho

TENHA UM TEMPO FELIZ!

"Diante da vastidão do tempo e da imensidão do universo, é um imenso prazer para mim dividir um planeta e uma época com você." (Carl Sagan)

EU ME SINTO GRATA E HONRADA...

EU ME SINTO GRATA E HONRADA...
...POR TODOS OS QUE AMOROSAMENTE SEGUEM ESTE BLOG!
"O ser integral conhece sem ir,
vê sem olhar e realiza sem fazer."

Lao Tzu

♥ BOM DIA ALEGRIA... BOM DIA SOL....a única sensação que tenho é que estou com os pés na areia...o resto de mim anda por aí em uma velocidade estonteante... e isso me dá ALEGRIA!!!

"Fala-se tanto da necessidade de deixar um planeta melhor para os nossos filhos, e esquece-se da urgência de deixarmos filhos melhores para o nosso planeta." autor desconhecido

POIS É...

POIS É...

"...Só aqueles que compreenderam que devem procurar o infinito, o ilimitado, o que está além do tempo e do espaço, se sentem vivos, porque a vida verdadeira é a imensidão, a eternidade. Nunca vos refugieis naquilo que é acessível, limitado: abarcai o infinito e a vossa alegria também será infinita. Será a felicidade, a luz, a força, o dilatar de todo o vosso ser." Omraam Mikhaël Aïvanhov

Pesquisar este blog

sábado, 23 de agosto de 2008

A meta é...um milhão de árvores!

Clique aqui:
e saiba como você pode participar!
**********
Arvorecer, Árvore-ser
Carlos Solano

Pois me contava Seu Antônio, no meio daquele quintalzão, no meio de latas e latinhas plantadas, cheias de cheiros e segredos, no meio de um bom caneco de café passadinho na hora: “De tudo, o que vale mais é se arvorecer”. Pausa. Arvorecer? O que será isso, meu Deus?
Encabulado, e sem querer ofender, me propus discretamente a investigar. E levei a conversa para o lado mais evidente: o das árvores e das madeiras.
“A madeira é viva”, me respondeu.
“Só por isto, já merece um afeto”. Uma misturinha de cera de abelha, de carnaúba e parafina, evita o ressecamento, que favorece as pragas. A cera de abelha, que ainda perfuma, imuniza por causa da própolis. Boa para os móveis. O barro de terra de formigueiro e a fumaça do fogo à lenha também a protegem. Por causa do fogo, Seu Antônio jura que “em casa de mulher não entra cupim”. Contra umidade, ele usa sebo animal ou qualquer azeite - de mamona, de dendê. Para a madeira que toma sol e chuva, o óleo de linhaça é um verniz natural, e ainda estimula a cor. Para clarear o assoalho, esfrega-se a folha da piteira, batida e rasgada, junto com a areia do rio. “Mas o mais importante é colher a madeira madurinha (para não ser ofendida pelas pragas), na lua minguante (para recolher o fortificante) e nos meses sem R, de maio a agosto (seca, para não empenar)”.
Mas podemos usar madeira em casa, sem culpa? Cortar árvore não ofende as matas? Levei a conversa adiante, tateando pelos caminhos do “arvorecer”.
“Depende”, disse ele. “Árvore se planta, árvore cresce”. Claro, a madeira é o único material renovável... Uma montanha de areia, uma mina de calcáreo (cimento) ou de minério de ferro - elementos tecidos pela natureza ao longo de milênios - não se recuperam jamais. Mas a madeira deve ser certificada com um selo ambiental, que garante o manejo ecológico e a salvação das matas. Confirmam as barbas brancas do Seu Antônio que, se replantarmos, “quando o neto estiver morando na casa que foi da avó, o mato já está refeito”.
Uma luz! Quem sabe “arvorecer” não tem haver com “deixar florescer”, “defender”, ou “manter” as matas? Afinal, faz sentido. A árvore é um dos três componentes fundamentais do entorno humano. Os outros são a pessoa e a casa.
Diz o maravilhoso Livro das Árvores (OGPTB), que “a floresta é a maior riqueza que podemos deixar para nossos filhos”.

Sim, deve ser isso! Mesmo porque, hoje, as árvores são os protetores da Terra: impedem a erosão (a destruição do solo e dos mananciais), perfumam e purificam o ar (retendo as partículas poluentes), doam frutos, servem de habitat para animais e pássaros, equilibram o processo de aquecimento global (absorvem dióxido de carbono e devolvem à atmosfera vapor d’água e oxigênio). As árvores ainda nos favorecem criando lugares de estar (sob uma copa frondosa), de passear (uma alameda), de passar (um portal), de proteção (uma cerca), de beleza (o que é fundamental, pois o feio destrói a sensibilidade). Criando lugares de viver, as árvores também cativam os homens que, por sua vez, voltam a amá-las.
Então, num fôlego de coragem, concluí em alto e bom tom: Acho muito importante arvorecer as árvores!
“Como assim?”, foi a resposta. “Arvorecer é arvorejar”.
Diante da minha perplexidade, ele se compadeceu:
“Al-vo-re-cer ou al-vo-re-jar. Alvejar, tornar alvo, amaciar, abrandar, embrandecer o coração empedernido. Isso vale mais do que tudo”.
Vale mesmo.
Mas cá para mim, arvorecer ainda tem – e sempre terá - tudo haver com árvore.
Arvorecer é “árvore-ser”.
Pois não precisamos “árvore-ser” o coração e parar com esta mania de dominar a natureza? Não precisamos plantar mais árvores - seja em vasos, no jardim, na calçada ou no sítio - como um ato a favor da vida?
“Árvore-ser” é saber que vivemos em uma árvore, ou no único país do mundo que tem um nome de árvore: Pau Brasil.
“Árvore-ser” é vestir o verde da nossa e de todas as bandeiras.
Pois não é que arvorecer é mesmo tudo o que precisamos?
Estão aí os cabelos e as barbas brancas do Seu Antônio para comprovar.

OGPTB – Organização Geral dos Professores Ticuna Bilíngües:
Caixa postal 0023 – Benjamim Constant, AM. CEP.: 69.630-000
Texto publicado na revista Bons Fluidos, Editora Abril.

imagens: pesquisa Google

4 comentários:

Magda Moita disse...

Que foto lindíssima!

Beijos

Magda

Astrid Annabelle disse...

Magda!!!!!!!!!!!!
Que surpresa agradável!!!
Agora fiquei feliz!
Também achei...linda demais!!!
Sempre que puder estica o pescoço até aqui...será sempre muito bem vinda!
Um beijo grande.
Ma Jivan Prabhuta

neo disse...

Astrid.
A Natureza, minha amiga, as árvores, as plantas, os animais que destruímos, que deixámos destruir... Fazem sangrar nosso coração enternecido.
Saúdo a beleza das fotos que nos deixou, as palavras sábias de seu António, arvorecer, Al-vo-re-cer, o seu carinho especial por tudo o somos e não sabemos.
Beijos

Astrid Annabelle disse...

Neo,
O texto achei-o maravilhoso!
A campanha merecedora de incentivo por todos nós!
E as fotos...tinham que ser belas!!!rs,rs,rs...
Suas palavras carinhosas andam deixando o meu ego lá no alto!
Um beijo e muito agradecida por todas os seus comentários.
Ma Jivan Prabhuta

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

FLORES SÃO SEMPRE UMA ALEGRIA...

FLORES SÃO SEMPRE UMA ALEGRIA...
imagem google imagens