Navegam ao meu lado...

Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós.
Deixam um pouco de si. Levam um pouco de nós.
Antoine de Saint Exupéry

Translate to Arabic Translate to Bulgarian Translate to Simplified Chinese Translate to Traditional Chinese Translate to Croatian Translate to Czech Translate to Danish TTranslate to Dutch Translate to English Translate to Finnish Translate to French Translate to German Translate to Greek Translate to Hindi Translate to Italian Translate to Japanese Translate to Korean Translate to Norwegian Translate to Polish Translate to Portuguese Translate to Romanian Translate to Russian Translate to Spanish Translate to Swedish
Download this Cross-Cultural Communication Tool from Get International Clients

Cristo é a operação combinada — o encontro do finito com o infinito, tempo e eternidade se encontrando e se fundindo. Osho

TENHA UM TEMPO FELIZ!

"Diante da vastidão do tempo e da imensidão do universo, é um imenso prazer para mim dividir um planeta e uma época com você." (Carl Sagan)

EU ME SINTO GRATA E HONRADA...

EU ME SINTO GRATA E HONRADA...
...POR TODOS OS QUE AMOROSAMENTE SEGUEM ESTE BLOG!
"O ser integral conhece sem ir,
vê sem olhar e realiza sem fazer."

Lao Tzu

♥ BOM DIA ALEGRIA... BOM DIA SOL....a única sensação que tenho é que estou com os pés na areia...o resto de mim anda por aí em uma velocidade estonteante... e isso me dá ALEGRIA!!!

"Fala-se tanto da necessidade de deixar um planeta melhor para os nossos filhos, e esquece-se da urgência de deixarmos filhos melhores para o nosso planeta." autor desconhecido

POIS É...

POIS É...

"...Só aqueles que compreenderam que devem procurar o infinito, o ilimitado, o que está além do tempo e do espaço, se sentem vivos, porque a vida verdadeira é a imensidão, a eternidade. Nunca vos refugieis naquilo que é acessível, limitado: abarcai o infinito e a vossa alegria também será infinita. Será a felicidade, a luz, a força, o dilatar de todo o vosso ser." Omraam Mikhaël Aïvanhov

Pesquisar este blog

quinta-feira, 4 de junho de 2009

"Ai que raiva!!!" Um link merecido...

(imagem Pesquisa Google)
Achei excelente este texto do Marcelo Dalla
Leiam o texto abaixo e depois façam um visita a este excelente blog.
"a arte de lidar com a raiva II"

As escrituras do Yoga dizem que uma pessoa evoluída conserva sua raiva por um minuto; uma pessoa comum a conserva por meia hora e uma pessoa ainda não evoluída a conserva por um dia e uma noite. Mas uma pessoa cheia de mágoas lembra-se de sua raiva até morrer. É humano senti-la, mas é preciso esquecê-la rapidamente. Não devemos alimentá-la remoendo acontecimentos passados, porque este sentimento causa uma grande inquietude interior.

Somos as primeiras vítimas de nossa própria raiva, que nos queima por dentro e tira nossa paz. Obscurece pensamentos, distorce percepções e libera toxinas nos sangue. A raiva acumulada, guardada um pouco aqui e ali, nos prejudica muito e nos afasta de Deus, de nossa verdadeira essência divina, de nossa bondade e compaixão.
As pessoas pensam que alguém ou algo lhes provoca raiva, mas essa raiva já existe dentro delas, é criada e mantida por elas. Quando você a sente, não pode culpar a ninguém a não ser você mesmo.

Faz parte do nosso crescimento espiritual aprender a lidar com a raiva e ficar livre de seus efeitos negativos. Como o desejo está muito ligado à ela, é importante quando senti-la perguntar a si mesmo o que quer desta situação que não está conseguindo. Isso cria uma mudança de foco. E em vez de ficarmos presos na raiva, a observamos. E logo depois, perguntamos a nós mesmos de que outra maneira podemos conseguir o que queremos. Perceberemos que idéias alternativas surgem na mente: isso diminui o sentimento de frustração.

Existem pessoas que gostam de ficar com raiva. Sentem satisfação, poder e liberdade quando têm explosões de ira. Acham que até aliviam as tensões, mas depois se culpam. Ajudaria muito se elas entendessem que mesmo que possam sentir alívio no momento, isso não funciona. A raiva apenas escraviza. É prejudicial para nossos corpos físico, emocional, mental e espiritual.

Mas existem momentos em que a raiva é incontrolável e nem temos tempo de nos fazer perguntas sobre o que queremos. Nesses momentos não é possível sentir desapego, ficamos presos completamente.

O que podemos fazer? A melhor saída é sair da situação, dar uma volta, se afastar do ambiente ou da pessoa, tomar um copo de água, respirar algumas vezes profundamente, lembrar-se de Deus, conectar-se com seu Eu Superior. Depois, quando nos acalmarmos, podemos voltar e lidar com o assunto de uma maneira mais equilibrada, sem ofender, ou magoar. Sem nos desequilibrar. Quando falamos de uma maneira tranqüila, o outro pode nos entender e ouvir melhor, mas quando falamos com raiva só criamos mais conflitos e desarmonia. Recebemos mais raiva como retorno.Para se afastar no momento da discussão ou apenas ficar calado até se acalmar é necessário humildade. Quando estamos com muita raiva, queremos que a outra pessoa admita que está errada e isto é orgulho. Uma armadilha do ego. Esse orgulho impede que nos acalmemos. Mas se você admitir que dissolvê-la é mais importante do que provar que o outro está errado, você sentirá a humildade libertadora. Todos os inimigos internos alimentam uns aos outros e se estamos presos no orgulho é mais difícil lidar com a raiva. A humildade nos ajuda a testemunhar o que está acontecendo dentro de nós.

Em vez de guardarmos raiva por horas, ou dias, podemos largá-la logo e evitar assim muitos momentos de sofrimento. Basta não alimentarmos este sentimento. Se voltarmos nossa atenção para outras coisas e para o momento presente, ficamos livres e podemos ter momentos felizes.

A raiva acumulada desde a infância é uma das causas da depressão. Hoje em dia muitos médicos receitam remédios anti-depressivos que podem até aliviar um pouco os sintomas, mas enquanto a pessoa não buscar sua causa verdadeira, vai continuar dependente e triste. Mas não podemos nos libertar da raiva simplesmente suprimindo-a. É necessário cultivar com constância seus antídotos: compreensão, tolerância e paciência.

Perceba em sua vida os efeitos benéficos da tolerância e da paciência e perceba também os efeitos destrutivos dos ressentimentos e das mágoas. Esta reflexão vai lhe motivar a desenvolver esses sentimentos de tolerância, paciência e aceitação, além de fazer com que você tenha mais cuidado em não alimentar pensamentos raivosos. Para ficarmos livres desse inimigo interno tão destrutivo que surge de uma mente insatisfeita e descontente, é essencial gerar o contentamento interior, a gratidão e o entusiasmo; cultivar a bondade, a benevolência e a compaixão. Esta atitude aos poucos traz a serenidade mental que impede a raiva de se manifestar.

Reiki, florais (como o Impatiens) e outras terapias ajudam na recuperação do equilíbrio emocional, como bem lembraram alguns amigos em outro post sobre este tema
(leia aqui). A prática regular da meditação ou exercícios de Tai Chi e Yoga são fundamentais para dissolver a raiva e transformá-la em paciência e aceitação. O perdão surgirá espontaneamente. Com o perdão podemos abandonar os sentimentos negativos associados aos acontecimentos passados e curar nosso carma.Fiquem em paz!

imagem e texto postados por Marcelo Dalla em
Dalla Blog
Quarta-feira, 3 de Junho de 2009

MA JIVAN PRABHUTA



* Todos os direitos reservados.
Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citada a autoria.
CAMPANHA DE DIREITOS AUTORAIS - APOIE E DIVULGUE ESSA IDÉIA

Bookmark e Compartilhe

16 comentários:

marcelo dalla disse...

Ahhh amei essa foto do bebê!!! Querida, fico muito feliz com essa troca. O objetivo é mesmo este: compartilhar. Que nossa conexão se fortaleça cada vez mais. Grande bjo!

Maria de Fátima disse...

Olá Madrinha Astrid um belo texto do nosso amigo Marcelo.É um blogue que eu gosto de visitar desde que tive conhecimento dele através do António.Esta campanha dos cobertores é muito interessante.Devemos lembrar-nos de quem vive pior do que nós.Beijinhos.

Astrid Annabelle disse...

Marcelo!
Aquilo que é bom precisa ser divulgado...e este seu texto considero excelente!
É um costume meu divulgar textos de amigos...quando eu gosto do conteúdo e da qualidade do assunto.
Parabéns! Foi merecido.
Um beijo.
Astrid

Astrid Annabelle disse...

Mimi!
Isso eu penso também. Gosto da maneira que expõe os temas. Também o conheci pelo António.Merece ser divulgado.
Quanto à campanha: é uma iniciativa de uma amiga minha. Foi uma maneira que encontrei de ajudar.
Um beijo de boa noite.
Astrid

FadaMoranga disse...

Belo texto! Era mesmo o que esu estava a precisar para mostrar ah minha irma! :-)

Obrigada querida Astrid e obrigada Marcelo!
Beijos***de Fada

Astrid Annabelle disse...

Fada!
Então valeu!!!
Beijos.
Astrid

FadaMoranga disse...

Valeu pois!!!
Com jeitinho a coisa cura! :-)))
Um grannndebeijo*de Fada

Astrid Annabelle disse...

Fada!
Nada chega até nós se não tiver utilidade...lembra sempre disso!
Eu mesma tenho que trabalhar nesse caso comigo mesma...assim funciona a dinâmica da vida!
Um beijo grande.
Astrid

FadaMoranga disse...

POis eh! Olhe eu vou agora entrar no tunel Atlantico e vou ai ver o nascer do sol consigo. Levo marmita! :-)))
Ateja!
Beijos***deFada

Astrid Annabelle disse...

Fada!
E eu lhe aguardo com um Chocokid!!!Ou um suco de pitanga????
Beijo
Astrid

FadaMoranga disse...

Nem sei o que eh pitanga mas se diz que eh bom eu provo!
Capaz de fazer bem ah pele!
Beijos***deFada aki vou eu!

António Rosa disse...

Ontem foi dia de descanso bloguístico. Hoje vim aqui homenagear o nosso querido Marcelo, que cada vez mais está sintonizado. Que música bonita esta que estou a ouvir, deste blogue.

Beijo

Astrid Annabelle disse...

Fada!
Pitanga é uma frutinha mágica. Foi a primeira fruta que provei quando nasci. É nativa aqui na Mata Atlântica. Na realidade ela se dá bem em clima quente...ela além de fazer bem para muita coisa é linda!
Vou lhe enviar uma foto,OK?
Um beijo de espera...
Astrid

Astrid Annabelle disse...

Ele merece ser destacado por este post e pelo que anda escrevendo,António!
Gosto do estilo dele!
A música vem de guitarras flamencas...um som que eu adoro!!!
Beijo agradecido.
Astrid

Gui disse...

CONHECI O SEU BLOG ATRAVÉS DA ASTRID, QUE POR SINAL, TEM BLOGS LINDOS TAMBÉM...
ABENÇOADOS SEJAM TODOS OS QUE COM O SEU TRABALHO, ENOBRECEM A ARTE!
QUERIDOS COMPANHEIROS DE LONGA ESTRADA, MEUS SINCEROS VOTOS DE MUITAS ALEGRIAS, E SATISFAÇÕES...

Astrid Annabelle disse...

Olá Gui!
Feliz em ter você por aqui. O Marcelo com toda a certeza irá conferir o seu blog.
Um beijo agradecido por seu carinho.
Astrid

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

FLORES SÃO SEMPRE UMA ALEGRIA...

FLORES SÃO SEMPRE UMA ALEGRIA...
imagem google imagens