Navegam ao meu lado...

Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós.
Deixam um pouco de si. Levam um pouco de nós.
Antoine de Saint Exupéry

Translate to Arabic Translate to Bulgarian Translate to Simplified Chinese Translate to Traditional Chinese Translate to Croatian Translate to Czech Translate to Danish TTranslate to Dutch Translate to English Translate to Finnish Translate to French Translate to German Translate to Greek Translate to Hindi Translate to Italian Translate to Japanese Translate to Korean Translate to Norwegian Translate to Polish Translate to Portuguese Translate to Romanian Translate to Russian Translate to Spanish Translate to Swedish
Download this Cross-Cultural Communication Tool from Get International Clients

Cristo é a operação combinada — o encontro do finito com o infinito, tempo e eternidade se encontrando e se fundindo. Osho

TENHA UM TEMPO FELIZ!

"Diante da vastidão do tempo e da imensidão do universo, é um imenso prazer para mim dividir um planeta e uma época com você." (Carl Sagan)

EU ME SINTO GRATA E HONRADA...

EU ME SINTO GRATA E HONRADA...
...POR TODOS OS QUE AMOROSAMENTE SEGUEM ESTE BLOG!
"O ser integral conhece sem ir,
vê sem olhar e realiza sem fazer."

Lao Tzu

♥ BOM DIA ALEGRIA... BOM DIA SOL....a única sensação que tenho é que estou com os pés na areia...o resto de mim anda por aí em uma velocidade estonteante... e isso me dá ALEGRIA!!!

"Fala-se tanto da necessidade de deixar um planeta melhor para os nossos filhos, e esquece-se da urgência de deixarmos filhos melhores para o nosso planeta." autor desconhecido

POIS É...

POIS É...

"...Só aqueles que compreenderam que devem procurar o infinito, o ilimitado, o que está além do tempo e do espaço, se sentem vivos, porque a vida verdadeira é a imensidão, a eternidade. Nunca vos refugieis naquilo que é acessível, limitado: abarcai o infinito e a vossa alegria também será infinita. Será a felicidade, a luz, a força, o dilatar de todo o vosso ser." Omraam Mikhaël Aïvanhov

Pesquisar este blog

quinta-feira, 25 de junho de 2009

A morte como número de destino

Na análise da minha numerologia trago como NÚMERO DE DESTINO o 13/4, o Arcano Maior XIII, A Morte. Com toda a certeza venho lidar com as mudanças, com as impermanências.
Na consciência mediana e egóica a morte é uma passagem trágica. Triste. Dolorosa.
Sob a luz de uma oitava acima, é o aprendizado do momento de total desprendimento, do amor incondicional. Do aprendizado do mergulho no buraco negro sem perspectiva.
Quem conseguir ter fé e for livre dos preconceitos estabelecidos por uma sociedade de costumes falidos encontra no processo da morte o renascimento.
E este renascer mete medo, pois é encontrar-se subitamente em outra dimensão, sem nada que sirva de amparo, sem um modelo pré estabelecido, onde o novo é novo de fato.
Vivemos a morte ao nascer. Deixamos as águas mornas do útero da mãe, sob fortes contrações de dor, por um canal escuro, sem perspectivas e chegamos do outro lado para a vida, assim como a conhecemos. Imediatamente começamos o processo inverso. Vivemos para morrer um dia. É um ciclo eterno.
No dia a dia, o Sol nasce da noite...e quando o Sol se põe a noite se faz criança...
Morremos e nascemos ao atravessar as diferentes fases da vida. Da infância para a adolescência. Da adolescência para a maturidade. Da maturidade para a velhice.
Ao casar morremos como solteiros. Ao nos tornar viúvos morremos para o estado de casados.
As sementes precisam morrer para a plantinha nascer. A semente jamais conhecerá a flor.
A lagarta morre para renascer como borboleta.
Morremos neste instante sagrado para renascer no momento seguinte...e isso é sem fim.
Assim, esse processo se manifesta em tudo que realizamos, em tudo que se realiza.
Ao inspirar morremos...ao expirar nascemos. E lá, no intervalo da respiração, está a força que gera o movimento da roda da vida e de toda a criação...o Amor Maior...Deus...
A morte em nossa vida sob a percepção de uma nova consciência traz em si a totalidade de possibilidades, o salto quântico. Mas é preciso ter coragem. É preciso estar nu. É preciso apagar a memória para ganhar o novo.
Apenas recapitulando:
Se você se ocupar com a dor, com a mágoa, com a tristeza, esquecendo-se da vida contida na morte você ficará preso nos limites da Roda da Vida e da Morte, a Roda de Samsara.
Ao voltar-se para o interno, o centro da Roda, você encontrará a energia que a faz girar...o Amor Incondicional...onde a felicidade existe a partir da liberdade de ser.
Praticar o conhecimento adquirido é o desafio para a sabedoria.
Assim somos eternos enquanto seres multidimensionais... navegantes do infinito!!!
Jesus ensinou com palavras de ouro:
DEIXEMOS QUE OS MORTOS ENTERREM SEUS MORTOS
EU SOU A RESSURREIÇÃO E A VIDA
EU SOU A VIDA ETERNA
MaJivan Prabhuta


* Todos os direitos reservados.
Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citada a autoria.
CAMPANHA DE DIREITOS AUTORAIS - APOIE E DIVULGUE ESSA IDÉIA

Bookmark e Compartilhe

26 comentários:

Isa Grou disse...

Olá Astrid querida!

Lindo post! Parabéns por tamanha sabedoria!
É isso mesmo... concordo plenamente!

Desejo-te coragem e força, viu!

Grande beijo.

Ana Cristina disse...

Pungente testemunho na 1ª pessoa.
Abraço no coração.

HAZEL disse...

Uau... Que profundidade, Astrid.
Este seu post irá ajudar mais alguém.
Nem imagina o quanto.
Obrigada

Beijos mágicos

Astrid Annabelle disse...

Isa!
É preciso vivenciar a morte amplamente e não na condição restrita do ser humano.
Um beijo no seu coração.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

Ana Cristina!!!
Temos que trabalhar as lições apresentadas pela vida.
Um beijo gostoso.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

Hazel!
Isso é buscar a excelência quando pretendemos aconselhar os outros.
Temos que trabalhar em nós para atingir a compreensão.
Lembra do email que lhe escrevi?
Beijos mágicos também.
Astrid Annabelle

António Rosa, José disse...

Astrid

Nos últimos 7 anos da minha vida essa tem sido a tónica: aprendi a lidar com a morte próxima.

Aprendi. bendita sabedoria.

Excelência de post.

Beijo

Maria de Fátima disse...

Olá Madrinha Astrid lindo texto escrito com o coração.Nunca tinha pensado na morte dessa maneira.Beijocas grandes e fofas.

Prometeu1 disse...

Boa reflexão!!!! ;)

bjos

Siala ap Maeve disse...

Querida Astrid, a Morte é a minha carta de nascimento.Já morri e renasci tantas vezes nesta vida, já aconteceram tantas viragens de 180graus, tantas quedas, tantas mudanças radicais, por vezes dramáticas...que hoje quando tudo parece desabar á minha volta eu consigo manter-me tranquila. Tudo muda...passar pela mudança com tranquilidade, aceitá-la, integrá-la...a minha fé mantem-se inabalavel. A confiança que tudo decorre conforme eu planeei antes de nascer aqui na Terra. O Universo é infinito na sua sabedoria.
Um beijo no coração

Maria Paula Ribeiro disse...

Admiro-te em TUDO o que dizes e escreves!
Um beijão.

Adelaide Figueiredo disse...

Amiga Astrid,

Sei que o que escreveu é o que está sentindo. Desejo-lhe força e coragem.
O tempo fará pelo menos sarar um pouco a dor.
Estou consigo.
Beijos

Astrid Annabelle disse...

António!
Lidar com as transformações de fato é assunto de Mestre.
É preciso sustentar a fé em grau máximo.
Bendita sabedoria.
Um beijo grande e agradecido.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

Mimi!
Sempre exite uma outra possibilidade...a isso se dá o nome de claravisão!
Um beijão.Agradecido.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

Prometeu 1!
É para refletir muito.
Um beijo.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

Siala ap Maeve!
Quem nasce com esta perspectiva não pode fugir ao equilíbrio! Mantendo-se no caminho do meio creio que se torna bem mais fácil.
Um beijo agradecido por seu depoimento.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

Maria Paula querida!
Fico feliz que aprecias meus textos. Isso me anima a continuar sempre.
Beijo grande na alma.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

Adelaide!
É preciso trabalhar a dor, encará-la!
Procurar compreender sempre.
Agradeço seu permanente carinho.
Um beijo no coração.
Astrid Annabelle

Ana Luiza Zanichelli Progin disse...

Como me disse à tarde, mãe, nós entenderíamos o que escreveu. Me ajudou muito, porque ainda estou muito impressionada, e esta sensação gera outras que nos tiram a clareza, como o medo e a depressão. Acredito no que disse. Parabéns por sua força, parabéns por assumir a sua luz.

Beijos de quem te ama muito,

Sua filha Ana.

Astrid Annabelle disse...

Olá Ana Luiza, minha filha querida!
Agora fiquei feliz.
Um beijo de luz nesse seu coração magoado.
Eu te amo muito.
Mãe

adriana disse...

Querida Astrid,
Lindo!
Digno de um Ser iluminado...
A&L

Astrid Annabelle disse...

Adriana!
Eu gosto quando vocês gostam do que escrevo.
Aliás...que minha alma escreve!
Um beijo grande agradecido.
Astrid Annabelle

Maria Ribeiro disse...

Astrid:muita solidariedade, neste momento da sua vida!Rezo consigo, irmã.
Beijo de lusibero

Astrid Annabelle disse...

Maria! Lusibero!
Eu agradeço de coração...
Um beijo grande.
Astrid Annabelle

Samsara disse...

Minha Querida Astrid

És uma mulher de grande coragem e de grande sabedoria. Há um tempo para tudo, o importante é o equilíbrio!

Beijinhos grandes dos Açores

Astrid Annabelle disse...

Sam!
O caminho do meio Sam!
E isso não é fácil...
Beijos no seu coração....e,aos Açores!
Astrid Annabelle

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

FLORES SÃO SEMPRE UMA ALEGRIA...

FLORES SÃO SEMPRE UMA ALEGRIA...
imagem google imagens