Navegam ao meu lado...

Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós.
Deixam um pouco de si. Levam um pouco de nós.
Antoine de Saint Exupéry

Translate to Arabic Translate to Bulgarian Translate to Simplified Chinese Translate to Traditional Chinese Translate to Croatian Translate to Czech Translate to Danish TTranslate to Dutch Translate to English Translate to Finnish Translate to French Translate to German Translate to Greek Translate to Hindi Translate to Italian Translate to Japanese Translate to Korean Translate to Norwegian Translate to Polish Translate to Portuguese Translate to Romanian Translate to Russian Translate to Spanish Translate to Swedish
Download this Cross-Cultural Communication Tool from Get International Clients

Cristo é a operação combinada — o encontro do finito com o infinito, tempo e eternidade se encontrando e se fundindo. Osho

TENHA UM TEMPO FELIZ!

"Diante da vastidão do tempo e da imensidão do universo, é um imenso prazer para mim dividir um planeta e uma época com você." (Carl Sagan)

EU ME SINTO GRATA E HONRADA...

EU ME SINTO GRATA E HONRADA...
...POR TODOS OS QUE AMOROSAMENTE SEGUEM ESTE BLOG!
"O ser integral conhece sem ir,
vê sem olhar e realiza sem fazer."

Lao Tzu

♥ BOM DIA ALEGRIA... BOM DIA SOL....a única sensação que tenho é que estou com os pés na areia...o resto de mim anda por aí em uma velocidade estonteante... e isso me dá ALEGRIA!!!

"Fala-se tanto da necessidade de deixar um planeta melhor para os nossos filhos, e esquece-se da urgência de deixarmos filhos melhores para o nosso planeta." autor desconhecido

POIS É...

POIS É...

"...Só aqueles que compreenderam que devem procurar o infinito, o ilimitado, o que está além do tempo e do espaço, se sentem vivos, porque a vida verdadeira é a imensidão, a eternidade. Nunca vos refugieis naquilo que é acessível, limitado: abarcai o infinito e a vossa alegria também será infinita. Será a felicidade, a luz, a força, o dilatar de todo o vosso ser." Omraam Mikhaël Aïvanhov

Pesquisar este blog

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Tuareg...nasci no deserto do Saara

Uma bonita entrevista com um tuareg realizada por:
VÍCTOR-M. AMELA a: MOUSSA AG ASSARID

Não sei minha idade. Nasci no Deserto do Saara, sem documentos.
Nasci em um acampamento dos nômades tuaregs entre Timbuctu e Gao, ao norte de Mali.
Fui pastor de camelos, cabras, cordeiros e vacas de meu pai.
Hoje estudo gestão na Universidade de Montpellier.
Estou solteiro. Defendo aos pastores tuaregs.
Sou muçulmano, sem fanatismo.
-Que turbante tão formoso!
É uma fina tela de algodão: permite tapar o rosto no deserto, e continuar a ver e respirar através dele.
É de um azul belíssimo… Nós, os tuaregs, somos chamados de homens azuis por isso:
O tecido solta alguma tinta e nossa pele adquire tons azulados.
-Como conseguem esse tom de azul anil?
Com uma planta chamada índigo, mesclada com outros pigmentos naturais.
Para os tuaregs o azul é a cor do mundo.
-Por que?
É a cor dominante: é a cor do céu, do teto.
-Quem são os tuaregs?
Tuareg significa “abandonados”, porque somos um velho povo nômade do deserto, solitários e orgulhosos: “Senhores do Deserto, é como nos chamam.
Nossa etnia é a amasigh (bereber), e o nosso alfabeto, o tifinagh.
Quantos são?
Uns três milhões, e a maioria permanece nômade.
Mas a população diminue. “É preciso que um povo desapareça, para que saibamos que ele existiu!” Apregoava um sábio. Eu luto para preservar esse povo.
- A que se dedicam?
Pastoreamos rebanhos de camelos, cabras, cordeiros, vacas e asnos num reino de imensidão e de silêncio.
-De fato! Não parece muito estimulante…
Mas é muito! Aos sete anos já te deixam afastar-se do acampamento para que aprendas coisas importantes: farejar o ar, escutar, apurar a vista, orientar-se pelo sol e as estrelas… E a deixar-se levar pelo camelo, se você se perder. Ele te levará onde há água.
-Saber isso é valioso, sem dúvida…
Ali tudo é simples e profundo.
Existem muito poucas coisas. E cada uma tem um enorme valor!
-Então esse mundo e aquele são muito diferentes, não?
Ali cada pequena coisa te proporciona felicidade.
Cada toque é valorizado.
Sentimos uma enorme alegria pelo simples fato de nos tocarmos e estarmos juntos.
Ali ninguém sonha com chegar a ser, porque cada um já o é!
-O que mais o chocou em sua primeira viagem à Europa?
Ver as pessoas correndo pelo aeroporto.
No deserto só se corre quando vem uma tempestade de areia.
Me assustei. É claro!
Eles apenas iam buscar suas malas…
Sim! Era isso.
Também vi cartazes de mulheres nuas.
Me perguntei: porque essa falta de respeito para com a mulher?
Depois, no Íbis Hotel, vi a primeira torneira da minha vida, vi a água correndo e senti vontade de chorar…
Que abundância!
Que desperdício!
Não?
Todos os dias da minha vida consistiam-se em procurar água.
Quando vejo as fontes ornamentais aqui e acolá, continuo sentindo por dentro uma dor tão intensa…
-Tanto assim?
Sim!
No começo dos anos 90 houve uma grande seca.
Morreram os animais e nós adoecemos.
Eu tinha uns 12 anos e minha mãe morreu.
Ela era tudo para mim!
Me contava histórias e ensinou-me a contá-las muito bem.
Ela me ensinou a ser eu mesmo.
-O que sucedeu com sua família?
Convenci meu pai que me deixasse ir à escola. Quase todo dia caminhava 15km. Até que um dia o professor me arranjou um lugar para dormir e uma senhora me dava o que comer, quando eu passava em frente à sua casa.
Entendi que essa ajuda vinha de minha mãe.
-De onde surgiu esse desejo de estudar?
Uns dois anos antes havia passado pelo nosso acampamento o rally Paris-Dakar, e uma jornalista deixou cair um livro de sua Mochila. Eu o apanhei e lhe entreguei. Ela me deu o mesmo de presente. Era um exemplar do Pequeno Príncipe e eu me
prometi que um dia conseguiria lê-lo.
-E conseguiu.
Sim! Foi assim que consegui uma bolsa de estudos na França.
- Um Tuareg na universidade!
Ah, o que mais sinto falta aqui é o leite de camela...
E o calor da fogueira, e de andar com os pés descalços na areia quente.
Lá nós olhamos as estrelas todas as noites e cada estrela é
diferente das outras como cada cabra é diferente.
Aqui, à noite, você olha para TV.
-Sim! E o que você acha pior aqui?
Vocês tem tudo, mas não acham suficiente. Vocês se queixam.
Na França passam a vida reclamando!
Aprisionam-se pelo resto da vida à uma dívida bancária, num desejo de possuir tudo rapidamente ...
No deserto não há congestionamentos... e você sabe por quê?
Porque lá ninguém quer ultrapassar ninguém!
-Conte-me um momento de extrema felicidade no seu deserto distante.
Todo dia, duas horas antes do pôr do sol: a temperatura abaixa, mas ainda não chegou o frio, e os homens e os animais, lentamente voltam para o acampamento e seus perfis são recortados em um céu cor de rosa, azul, vermelho, amarelo, verde...
Fascinante, na verdade...
É um momento mágico ...
Entramos todos na cabana e colocamos o chá para ferver.
Sentamo-nos em silêncio, a ouvir a ebulição ...
A calma invade todos nós, e o nosso coração bate ao ritmo do barulho da fervura...
Que paz!
Aqui vocês têm relógio
… lá temos tempo.
********

Se você vive dizendo como você está ocupado, então você nunca estará livre.
Se você vive dizendo que você não tem tempo, então você nunca terá tempo.
Se você vive dizendo o que vai fazer amanhã, esse amanhã nunca chegará.
região onde habitam os Tuaregs na África
Texto recebido por email
Imagens:Google
ASTRID ANNABELLE / MA JIVAN PRABHUTA
* Todos os direitos reservados. Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citada a autoria.CAMPANHA DE DIREITOS AUTORAIS - APOIE E DIVULGUE ESSA IDÉIA
Bookmark e Compartilhe

22 comentários:

Chica disse...

Linda história que nos faz refletir sobre o tempo também.Beijos, boa troca de provedor!chica

Astrid Annabelle disse...

Olá Chica!
Eu fiquei encantada com esta entrevista...
Este post faz parte de uma série sobre o vasto continente africano e seus habitantes de tantas nações e tribos.
Eu realmente não sei precisar o tempo que a troca de provedores vai levar...me disseram cinco dias...vamos aguardar...o que tiver que ser será.
Um beijo gostoso e agradecido.
Astrid Annabelle

Lu Souza Brito disse...

Astrid,

Assim como você, também fiquei encantada com esta entrevista. Poder ver, sentir, contemplar a vida de um tuareg pelos olhos e sentimentos dele.
E a maneira como descreve o tempo, a natureza???

António Rosa disse...

Astrid

Que entrevista mias saborosa!!!

Parabéns. Post muito bonito.

Com que então vai estar fora uns dias? Cá fico à espera.

Beijo.

Astrid Annabelle disse...

Olá! Lu! Boa tarde!
Eu achei maravilhosa a entrevista concedida por este tuareg.
Mexeu com os meus sentimentos!
Um beijo gostoso querida.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

António! Olá! Boa tarde!
Muito boa mesmo...a sensibilidade do rapaz me emocionou!
Pois é amigo querido...vou ficar sim uns dias fora do ar. A partir de amanhã pode acontecer a qualquer hora.
A nova provedora me disse que em cinco dias estaria com tudo conectado novamente.Espero que assim seja. Aí eu estarei com um sinal de melhor qualidade, e junto com o pacote terei aceso à TV a cabo...
Será mais um sonho realizado!!!
Um beijo gostoso.
Astrid Annabelle

Anônimo disse...

ola astrid adorei o seu texto!!! e lindo .parabens.e espero que se resolva logo o seu assunto.beijinhos da maria (chainho).

Astrid Annabelle disse...

Lindo mesmo não é Maria? Boa tarde!
Se Deus quiser ficarei fora da net por pouquíssimos dias...
Beijo gostoso e muito agradecido por seu carinho.
Astrid Annabelle

pensandoemfamilia disse...

Oi Astrid

Vc sempre trazendo detalhes preciosos deste imenso planeta. As culturas diferentes encantam com a diversidade da forma de pensar, sentir e agir.
Bela entrevista.
bjs

Astrid Annabelle disse...

Olá Norma! Boa tarde!
Esta é a proposta do Navegante...trazer assuntos sempre diferentes de todas as partes do Universo!
Gostei de ver voc~e por aqui.
Um beijo bem gostoso.
Astrid Annabelle

Eliana Pessoa disse...

JÁ VI UMA REPORTAGEM SOBRE TUAREGMUITO BOA TBM!!
COISA MAIS LINDA ESSE TEXTO FIQUEI COMOVIDA!
QUANTA ÁGUA DESPERDIÇAMOS !
BJIM

Fatima disse...

Belíssimo Astrid!
A National Geographic tem um documentario famuloso sobre os Tuareg.
Bjs querida.

Astrid Annabelle disse...

Olá Eliana! Boa noite!
Gastamos sim...e muito!
A entrevista foi feita com a alma...por isso ficou tão linda!
Um beijo gostoso querida.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

Olá Fátima! Boa noite!
Se for o documentário que eu conheço é lindo mesmo. O trabalho deles sempre foi de excelência, não é?
Beijo gostoso na bochecha!!!
Astrid Annabelle

Lúcia Soares disse...

Astrid, vai gostar de ler um romance maravilhoso sobre os tuaregs. Chama-se Tuareg, e o autor é Alberto Vásquez-Figueroa.
Conta com riqueza de detalhes a vida sofrida desse povo e paralelamente a vida política da região. Tenho certeza que você vai gostar!
Beijo!

Astrid Annabelle disse...

Lúcia bom dia!
Vou procurar ler o livro que me indicou.
Um beijo agradecido e gostoso por sua lembrança.
Astrid Annabelle

AMANI disse...

Cara, Astrid
Lindo trabalho no post "Tuareg...nasci no deserto do Saara". A África é um vasto e desconhecido continente.Pediria a tus genlileza de conhecer um blogue criado à partir de minha viagem, há dois anos, ao Congo. Conheci o Dr.Denis Mukwege - amigos nos tornamos- e em junho deste ano o trouxemos como conferencista no Fronteiras do Pensamento, em Porto Alegre.Desde então, somamos esforços num amplo projeto de concietização da comunidade internacional para mostrar o porquê da guerra e a atrocidades no Congo. A resposta é a exploração ilegal do Coltan. Albero Vàsquez-Figueroa publicou "Coltan", assim como "Tuareg" já citado em teus comentários.Conto com teu apoio e divulgação. Seria maravilhoso tê-la como parceira.
http://amanipucrs.blogspot.com/

OUTROS BLOGUE:
http://africa-amani.blogspot.com/

Antecipadamente,agradeço tua atenção!

Um grande abraço

Milton Paulo de Oliveira
http://twitter.com/docmilton

Astrid Annabelle disse...

Olá Milton!
Fiquei sensibilizada com o seu comentário.
Irei visitar seus blogs logo mais.
Se eu puder ser útil de alguma maneira vamos conversar,OK?

Um abraço agradecido.
Astrid Annabelle

P.S. cancelei minha página no Twitter depois que ela foi invadida por um vírus.

Viagens em Marrocos disse...

*****Viagens em Marrocos*****

Conheça o melhor de Marrocos. Descubra este País Norte Africano maravilhoso conjugando no mesmo programa caminhadas nas montanhas do Atlas com incursões nas dunas do deserto viajando em viaturas Todo-o-Terreno. Passeios curtos e acessíveis em contacto com a cultura local Berbere. No nosso itinerário percorremos vários caminhos de terra (“pistes”) pelas vastas extensões das estepes marroquinas até às portas do deserto do Sahara (onde dormimos numa típica tenda), descobrindo o sul do País. E, no final, a cidade encantada de Marrakech, que ficará para sempre na sua memória!

passeios turísticos e viagens em Marrocos, são ideais para casais, amigos, pequenos grupos, viajantes independentes e férias em família com crianças. Nossa empresa também organiza eventos corporativos em Marrakech e em todo Marrocos

Viagensemmarrocos.com Oferece-lhe a oportunidade de fazer muitas atividades durante a sua viagem a Marrocos, tais como:

-visitas às famílias berberes locais,
-beber chá com nômades
-visitar cooperativas ou associações que colaboram para o
-desenvolvimento na área local,
-visitar explorações arqueológicas e históricas,
-Passeios de camelo,
-dormir em Haima no deserto,
-Pintado com henna,
-ver as estrelas,
-observação de aves,
-regatear nos souks e mercados locais
-Desejamos-lhe uma
www.Viagensemmarrocos.com
FELIZ VIAGEM EM MARROCOS

Astrid Annabelle disse...

Olá Viagens em Marrocos!
Quem sabe um dia estarei viajando com vocês.
Agradeço pela presença.
Astrid Annabelle

Maria Gloria D'Amico disse...

Astrid, boa noite.
Go stei imensamente desta entrevista e, é claro, você bem sabe porque.
Uma bela leitura, com muita reflexão e simplicidade principalmente.
Estrelas, céus, poucas coisas, tempo ... lindo!
Um beijo.

Astrid Annabelle disse...

Eu me encantei ao ler esta entrevista assim como com o olhar do Tuareg, Maria Glória!!!!
Beijos soprados daqui para aí !!!!
Astrid Annabelle

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

FLORES SÃO SEMPRE UMA ALEGRIA...

FLORES SÃO SEMPRE UMA ALEGRIA...
imagem google imagens