Navegam ao meu lado...

Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós.
Deixam um pouco de si. Levam um pouco de nós.
Antoine de Saint Exupéry

Translate to Arabic Translate to Bulgarian Translate to Simplified Chinese Translate to Traditional Chinese Translate to Croatian Translate to Czech Translate to Danish TTranslate to Dutch Translate to English Translate to Finnish Translate to French Translate to German Translate to Greek Translate to Hindi Translate to Italian Translate to Japanese Translate to Korean Translate to Norwegian Translate to Polish Translate to Portuguese Translate to Romanian Translate to Russian Translate to Spanish Translate to Swedish
Download this Cross-Cultural Communication Tool from Get International Clients

Cristo é a operação combinada — o encontro do finito com o infinito, tempo e eternidade se encontrando e se fundindo. Osho

TENHA UM TEMPO FELIZ!

"Diante da vastidão do tempo e da imensidão do universo, é um imenso prazer para mim dividir um planeta e uma época com você." (Carl Sagan)

EU ME SINTO GRATA E HONRADA...

EU ME SINTO GRATA E HONRADA...
...POR TODOS OS QUE AMOROSAMENTE SEGUEM ESTE BLOG!
"O ser integral conhece sem ir,
vê sem olhar e realiza sem fazer."

Lao Tzu

♥ BOM DIA ALEGRIA... BOM DIA SOL....a única sensação que tenho é que estou com os pés na areia...o resto de mim anda por aí em uma velocidade estonteante... e isso me dá ALEGRIA!!!

"Fala-se tanto da necessidade de deixar um planeta melhor para os nossos filhos, e esquece-se da urgência de deixarmos filhos melhores para o nosso planeta." autor desconhecido

POIS É...

POIS É...

"...Só aqueles que compreenderam que devem procurar o infinito, o ilimitado, o que está além do tempo e do espaço, se sentem vivos, porque a vida verdadeira é a imensidão, a eternidade. Nunca vos refugieis naquilo que é acessível, limitado: abarcai o infinito e a vossa alegria também será infinita. Será a felicidade, a luz, a força, o dilatar de todo o vosso ser." Omraam Mikhaël Aïvanhov

Pesquisar este blog

domingo, 5 de setembro de 2010

Em missão com os Animais de Poder

Para que vocês possam compreender:
Tudo começou no dia em que o Marcelo, do
Marcelo Dalla Blog, publicou um post sobre as mandalas recém criadas por ele sobre os Animais de Poder.
Em seguida o António Rosa, do
blog Cova do Urso, fez uma publicação agradecendo uma Mandala de Urso que recebeu do Marcelo.
Nos comentários deste post o António me respondeu o seguinte:
Astrid

É lindo e nem imagina como estou contente. Agora em fase de procurar como aplicar em mim mesmo, ou nas coisas que faço. Para já está aqui, na barra da direita.
Se tiver alguma idéia de como poderia utilizar de forma espiritual, ficarei muito agradecido.
Retornei respondendo o seguinte:
Olá António!
Voltei conforme prometi. É forte o impacto da imagem deste seu urso na mandala.
O Marcelo atua através de um canal muito especial quando fica inspirado!
Vamos combinar uma coisa...
vou fazer um post sobre os animais de poder e o uso dessa energia no nosso dia a dia, Ok? Deixa passar amanhã, dia da blogagem da Glorinha.
Faço em seguida.
Só para lhe atiçar as idéias já lhe posso adiantar que temos um Tótem de Poder com vários animais que nos ajudam permanentemente.
No meu Tótem está o meu urso com o qual eu me reencontrei nessa vida. Uma história linda que eu vivi a partir de um resgate que tive que fazer numa determinada época da minha lenda pessoal.Bom o resto desse caso fica para o post...rsss
Parabéns...lindo demais.
Mais um beijo para os dois".

Confira AQUI.

*******
Bom aqui está o relato do meu encontro com o meu ursinho de poder
Em uma bela tarde, bem longe no tempo(rs), enquanto passava roupa em casa, eu percebi que estava me enxergando.
Isso mesmo.
Eu me via passando roupa de fora do corpo.
Eu, não estava incorporada!
Fiquei assustada, pois aquilo eu não conhecia...
enxergar a mim mesma de outro ponto “fora de mim”.
Ato contínuo liguei para a minha Mestra Xamã, com quem estava fazendo um curso para ser uma terapeuta holística, e ela pediu que eu fosse imediatamente ter com ela. Para isso tive que andar um bom trecho a pé até uma estação de Metrô, tomar o metrô e, descendo do trem, andar a pé outro trecho maior que o primeiro para finalmente chegar ao local onde me encontraria com ela. Tudo isso fiz fora de mim mesma e completamente lúcida!
Coisa de louco, não é?
Ao chegar minha mestra imediatamente me levou para uma sala de meditação repleta de cristais. Pediu que eu me acomodasse sobre um colchonete e chamou sua assistente para acompanhar o que iria fazer.
Me convidou a relaxar e fechar os olhos. Fui coberta com uma mandala de cristais que criou sobre meu corpo e depois colocou ainda um cobertor grosso por cima..
Em seguida começou a tocar seu tambor de poder entoando cânticos.
Até esse ponto ela não falou nada comigo.
Xamã que é Xamã não usa a palavra à toa, isso eu aprendi lendo livros do Castañeda.
Bom terminado o ritual ela me segredou...
”- você e seu urso de poder acabaram de se reencontrar
...realmente com os olhos fechados e ao som das batidas do tambor vi muitas imagens entre elas de um urso que me rodeava com um largo sorriso.
“-
Por isso saiu do corpo e não conseguia voltar”, continuou a falar...
”- você estava na beira do mar no norte da Sibéria, entalhando flautas e contando histórias para alguns animais quando escorregou e caiu no mar, morrendo afogada. Desde então seu urso vem lhe procurando. Hoje o reencontro aconteceu.”
Palavra que eu fiquei ouvindo sem nada compreender. Não conseguia relacionar uma coisa com outra...o fato de eu estar ali por ter saído do corpo com um suposto reencontro com o meu animal de poder.
Bem para encurtar este conto e sem aumentar nenhum ponto, disse-me ainda que eu iria ter a prova de que tudo que ouvira era real. O que aconteceu comigo foi a maneira que o urso encontrou para me levar até a Xamã para que eu soubesse de tudo que estava acontecendo fora da minha consciência racional.
Será? Saí meio que desconfiada...enfim, mas de volta ao meu corpo, Graças à Deus.
No dia seguinte fui trabalhar normalmente.
Fazia parte do meu trajeto diário passar por uma praça onde havia permanentemente uma feirinha que vendia de tudo inclusive cristais.
Pois pasmem...ao passar por esta banca vi um cristal de ponta com a imagem incrustada de um urso.
Parei para conferir.
De fato.
Nitidamente havia um urso ali dentro do cristal e olhando para mim.
Arrepiei inteira quando peguei o cristal na mão e mais ainda quando o vendedor, uma pessoa muito simples, que eu nunca vira antes, disse assim
..."- você acabou de reencontrar com o seu Urso de Poder"...
Comprei o cristal na hora.
Tenho-o até hoje.
Foi o primeiro animal de poder a se manifestar do meu Totem dos Animais de Poder..
Essa é uma parte da minha lenda pessoal para que vocês compreendam que a vida em outras dimensões acontece sem necessariamente termos ciência sobre isso.
Você não precisa fazer nada António.
Quando chegar a hora e o momento certo receberá a reposta aos seus questionamentos. Você simplesmente ficará sabendo!!!!

E tem mais:
Para realizar este post fui fazer uma pesquisa sobre os Animais de Poder
(os links estão listados abaixo).
E, como eu tenho recebido muitas mensagens envolvendo os golfinhos, ontem fiquei por um longo tempo olhando para a Mandala dos Golfinhos acima, também criada pelo Marcelo.
Inclusive logo abaixo, em outra publicação, postei uma dessas mensagens com um vídeo lindo sobre um golfinho e um cachorrinho.. Veja AQUI..
E hoje, agora a pouco, quando eu já havia iniciado o rascunho dessa postagem recebi isto:


...publicado no blog Alfabetizando o Homem na Luz Divina
da Jaya Ananda San, a minha querida amiga Samar, para mim!!!!
Confira clicando no link:
http://alfabetizandohomemluzdivina.blogspot.com/2010/09/mensagem-dos-delfins.html

Preciso dizer alguma coisa????
Aconteceu mais uma manifestação dos meus Animais de Poder do meu Totem Pessoal.

E que mensagem!

Pode ser que o seu animal de poder esteja lhe chamando com mensagens, escritas ou faladas, fique atento...você NÃO está lendo tudo isso aqui por nada...existe um recado embutido para você...
É assim que eles atuam em sua vida...através de sinais.
ASTRID ANNABELLE / MA JIVAN PRABHUTA


LINKS PESQUISADOS:

AS MANDALAS SÃO CRIAÇÕES DO MARCELO DALLA
* Todos os direitos reservados. Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citada a autoria.CAMPANHA DE DIREITOS AUTORAIS - APOIE E DIVULGUE ESSA IDÉIA
Bookmark e Compartilhe

35 comentários:

Astrid Annabelle disse...

Olá meus queridos amigos/as!
Não consegui arrumar o final do post. A configuração das letras, das cores ...
Editei e publiquei por três vezes e nada...
Paciência...é uma pena pois não ficou bonito como eu gostaria...
Sinto muito...

Maria Paula Ribeiro disse...

Astrid,

Este tocou-me e de que maneira...aliás eu já percebi que a simples palavra "animal" é coisa forte para mim! ;))))

Lindo o teu depoimento... ;)))

O golfinho é de facto, para mim um animal muito especial..
Tenho fobia a água mas por diversas vezes que em meditação, me vejo nas profundezas do mar a nadar com eles... ;))) (um dia encontrarei a explicação para isso)
A águia é outro animal que visualizo muito...bem lá no alto.
O Leão foi o 1º animal selvagem a ver ao vivo, que me recordo na infância..não me calava enquanto não o visse no zoo! ;))))
Cavalos a correr...ui ui....
E o Bambi!!!! :))))

O Urso, só mesmo o da cova! :))))
ou nos filmes! ;PPPP

Mas a tua história é linda e profunda demais! ;)))

Bem-hajas pela partilha
E bem-hajas por Tudo!

Beijo grande

maria chainho disse...

boa tarde astrid!! adorei este seu post!!! fiquei encantada com a sua versao de um facto que ate ha bem pouco tempo atraz eu nem ligaria ... e agora nem questiono ... pois sei que e verdade !!!! como as nossas opinioes as vezes mudam... beijinhos

António Rosa disse...

Astrid,

Neste momento só posso dizer muito obrigado por tudo isto.

Mas serei sincero: mexeu tanto comigo que vou reler tudo com muita atenção. Irei ver todos os links que deixou.

Vou ter a mente aberta para receber...

Mas amanhã volto para deixar outro comentário, pois sinto que preciso de o fazer.

Para já, vou sentir o meu animal de poder. Sinto que tenho que contar alguma coisa.

Muito beijos e até depois.

António

HSLO disse...

Adorei as mandalas...
abraços
de luz e paz

Astrid Annabelle disse...

Maria Paula querida!
Quando eu prometi ao António que faria um post sobre os Animais de Poder nem sequer sonhava com o que viria acontecer...foi muito forte como recebi a mensagem da Samar.
Lá na História Encantada já estava sendo bombardeada por mensagens relativas aos golfinhos.
Mas quanto ao meu reencontro com o Urso de Poder é tudo verdade. Aconteceu exatamente como contei.
São os nossos aprendizados e os animais nos ajudam demais!
Você sabe disso, eu sei que sim!
Um beijo grande e gostoso.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

É Maria querida!
Por isso afirmar que não se acredita em uma coisa é preciso ter experimentado. E você está tomando ciência de um lado que não conhecia e com isso crescendo em consciência!
Um beijo gostoso para uma boa noite!
Astrid Annabelle

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

será que tenho um animal do poder tbm?!?
linnnnnnnnnda história gostei demais!
Quando digo que vc é especial é por isso!!
Deus te abençoe sempre!
beijo

Astrid Annabelle disse...

Olá António!
A minha intenção foi lhe oferecer elementos para receber insights relativos ao seu Urso querido.
Mal poderia imaginar que iria receber um comunicado da ordem que recebi dos golfinhos, via Samar. No momento que ler o post dela irá compreender.
Acabei só deixando os vários links, inclusive de um post feito por mim no Navegante em fevereiro sobre este mesmo assunto.
É impressionante o que acontece fora do nosso controle mental racional!
Até amanhã...durma com os anjos.
Beijo grande querido.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

As mandalas do Marcelo são feitas de Luz, Hugo!!!
São maravilhosas.
Beijo grande.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

Todos nós temos Eliana!
Não somente um como vários em vários momentos durante a vida.
Animal de poder é aquele que vira e mexe aparece do nada e chama sua atenção de alguma maneira. A nós cabe receber o recado.
E compreendê-lo.
Tem gente que chega a parecer com o seu animal por tamanha identidade que há.
Entre nos links e encante-se com todas as informações.
Sou especial sim, pois tenho você como minha querida amiga e que só faz coisas gostosas e boas para todos!
Um beijo grande.
Astrid Annabelle

conscienciaempoesia disse...

Muito lindo seu blog e especialmente este post. Ao longo dos últimos 9 anos, tempo em que comeceia despertar meu totem pessoal tb foi se formando... um Falcão Dourado, Uma Coruja Branca e Um Lobo Prateado... e nos últimos tempos pra me lembrar muitas coisas O Golfinho Azul.
Adorei vc ter compartilhado!!!
Beijos de Luz
Sophia Christou

Astrid Annabelle disse...

Olá Sophia!
Que prazer em lhe receber por aqui!
Pois a minha história com os animais de poder começou a mais de vinte anos ou mais...
Tenho além do urso e os golfinhos, o beija-flor, a tartaruga, o lobo. Esses são os destacados.
E assim vamos caminhando, não é?
Eu adorei seu blog igualmente.
Um beijo gostoso e agradecido por sua visita.
Astrid Annabelle

Isa Grou disse...

Olá Astrid querida!


Ainda outro dia vc me contou esta linda história do seu Re-encontro com o seu Urso... lembra?

Quando as coisas tem que acontecer, elas simplesmente acontecem, não é mesmo?
Belo... Belo post!

*Ps: Astrid... eu ainda não consegui compreender muito bem com relação ao nosso 'Totem Sagrado'...

A cada dia que passa, mais estou certa de que o meu Animal de Poder é o Beija-Flor...

Beijos de LUZ.
Te Amosssssssssssss.

Astrid Annabelle disse...

Olá Isa querida!
Que bom que veio conferir...lembrou?
Pois é! A vida é uma grande teia entrelaçada de luz!
Tudo e todos tem sempre a ver com tudo e com todos!
Olhe a respeito do Tótem de Poder...entre nos links...o "www.xamanismo.com" fala exatamente sobre isso. Os links estão no final do post...
E sem dúvida o beija-flor faz parte do seu Tótem...se não compreender me fale que conversaremos a respeito,OK?
Amei que veio aqui hoje!
Beijo gostoso querida!
Te amosssssssss...também!

marcelo dalla disse...

Amiga querida!!!!
hoje passei o dia fora e várias vezes me lembrei de vc. Estamos em sintonia!
Que relato incrível, digno do livros do Castaneda! :) E como fico feliz com o retorno que venho recebendo destas mandalas... disparei a cria'-las depois que experimentei o Daime, creio q um canalzinho a mais se abriu...

Tb quero falar mais sobre os animais de poder no meu blog. Sou iniciado no Xamanismo e falei muito pouco sobre este assunto lá no blog.

To aqui carregando o video dos golfinhos ( a net ta lenta). Fiquei curioso!!!

Grande bjo, grato por todo o seu carinho!

marcelo dalla disse...

Acabei de ver o video... fiquei emocioando. Sempre senti atração pelo golfinhos, a cada dia descubro que há razão.
Grato por compartilhar tanto amor, querida!

E tenho uma dica que aprendi pra arrumar as postagens: se copiamos do word ou de outros sites direto pra pagina de postagens, os textos vem carregados de "sugeira HTML"... varios codigos que viram uma bagunça. Pra limpá-los, basta copiar tudo pro bloco de notas (notepad) e daí, só depois, copiar pra pagina de postagens...
Simples, né? Eu ja quebrei tanto a cabeça por causa disso... rsrsrs

Qualquer duvida, pode perguntar!!!
bjos

Marliborges disse...

Astrid, que lindo esse post! Acredito, os animais tem poder sim! Só não vê quem não quer. As mandalas são lindas e muito expressivas também. Atuam como um reforço pra gente não é? Bjssssssss

Eri disse...

Astrid, que post maravilhoso! E que linda partilha! Como pode imaginar este é um dos meus temas favoritos...a minha primeira meditação foi exactamente em busca do meu animal de poder de um determinado período da minha vida, um momento em que o Gamo e a Raposa foram meus companheiros! O meu animal de poder é o Corvo, mas sempre que necessário vários outros me surgem como fonte de protecção, de poder e de inspiração! O golfinho também já me surgiu numa meditação muito forte, em que viajei até outro mundo, ou realidade, guardo até hoje o sorriso de um golfinho que me observava então...mas o Corvo está sempre presente em minha vida, e chega a aparecer fisicamente para me alertar (moro num local onde não há corvos...só os que me visitam de tempos a tempos!). São muitas as vezes que me sinto mais próxima dos animais do que dos seres humanos...
Beijo com muita saudade e gratidão!

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Pena que vc não conseguiu dar o tom que vc queria para as cores da postagem, mas eu achei q tá bonito rs.

Que interessante esse post!

Aqui no Japão a força xamânica é muito forte. As pessoas tem afinidade com o deus Inari (a raposa), por exemplo. E outras entidades do xintoísmo que são animais (bois, cobras, corujas, sapinhos, etc).

Eu gosto muito disso, da união entre o ser e o mundo natural. Deuses na natureza, paupáveis, que se comunicam com os seres. Isso é lindo.

bjs e boa semana pra vc

António Rosa disse...

Querida Astrid,

Desde ontem à noite que já reli várias vezes este post, assim com vi o vídeo e fui a todos os links.

Tal como prometi, hoje venho deixar um comentário mais extenso, por isso não se surpreenda se for necessário ocupar 2 ou mais caixas de comentários, porque o texto vai ser grande.

Eu sempre senti um apelo especial pelos ursos e quando encontrei a imagem que uso como avatar, tenho-o usado em todo o lado, menos no Facebook. É uma grande identificação. Já usei várias alternativas na blogosfera: já assinei só pelo ‘O Urso’, mas desde há tempo que é com o nome que mais gosto: António Rosa.

«Urso», «Ursinho», «Tio Urso» são formas comuns de me chamarem. Por exemplo, os meus sobrinhos usam «Tio» ou «Tio Urso». Não é que os filhos deles, meus sobrinhos-netos também quando se referem a mim é com o mesmo nome: o tio Urso. Duas amigas minhas, que conheço há mais de 25 anos, também me chamam por Urso.

Isto para dizer que ao longo dos anos foi-se dando essa identificação, que para mim é normal.

António Rosa disse...

(Continuação – 2)

Agora vou contar-lhe duas histórias que nunca contei em lado nenhum, mas antes necessito dar uma explicação.

Como a Astrid sabe, eu identifico-me como moçambicano, e como africano, apesar de só ter ido para África quando tinha 2 meses de idade.

As questões culturais, psicológicas e espirituais foram todas maioritariamente adquiridas em África. Depois, na Europa, o que fiz foi dar refinamento ao que sabia de forma mais intuitiva.

Apesar de estar em Portugal há 31 anos, não me sinto cómodo em ter consultas terapêuticas com facilidade. No entanto, identifico-me com os terapeutas de origem africana.

Por exemplo, há uma senhora que é da nossa geração, que nasceu em Moçambique mas que cedo foi viver para a Swazilândia, um país vizinho de Moçambique, onde tem um próspero negócio para atender às questões de beleza das mais de 100 esposas do rei.

Ela vem a Portugal todos os anos onde passa 2 meses de férias em casa de pessoas amigas comuns, também de lá. Esta senhora é uma xamã africana e nos atendimentos dela só fala em swaili e depois ela própria traduz para português.

É uma pessoa que me inspira a maior das confianças e sempre que ela está aqui, vou falar com ela. Por vezes, essa conversa implica fazer limpezas energéticas. É ela própria e as pessoas dessa casa de moçambicanos que fazem os próprios incensos com misturas de plantas africanas e europeias. Faço sempre defumações prolongada com esses incensos mas da forma tradicional: um pratinho, um bocado de carvão e a bolinha de ervas (incenso) em cima e queimar o carvão. Faz fumo e espalho por todo o lado, mas o cheiro do fumo desaparece.

António Rosa disse...

(continuação – 3)

Foi a esta mulher que a primeira vez que falei com ela que me disse uma frase. Nesse dia, há anos, ela tinha uma sobrinha a aprender estas questões xamânicas, que ela na sua simplicidade chama de «remédio cafreal». Dessa vez, a sobrinha ia traduzindo tudo o que ela me dizia em swaili. Nisto, ela diz e a sobrinha traduz esta frase:

«O teu urso está aqui presente com os teus antepassados para te ajudarem na operação que vais fazer. … etc… etc…»

A sobrinha dela, surpreendida e eu também, disse-lhe em português:

- Tia, «urso»?

E ela confirmou, sim o urso dele, mas é o urso castanho e eles conhecem-se de outras vidas.

Imagine, Astrid, como é que eu há 13 anos atrás fiquei quando ouvi dizer que o «meu amigo urso» estava presente naquela conversa espiritual…

)))

António Rosa disse...

(continuação – 4)

Há alguns anos fui a um Pai de Santo (português, de origem africana) que se dizia fazer xamanismo e procurei uma consulta de búzios com ele, aqui em Portugal. Só não digo o nome dele, para não ser indiscreto.

O início da consulta, ele fez todos os preparativos para lançar os búzios, umas rezas que não entendi e atira com os búzios para cima da mesa. Ele olhou para os búzios e pediu muita desculpa mas que tinha que lançar outra vez, pois ele próprio estava confuso. E lançou segunda vez.

E eu a olhar para os búzios e para ele, que estava pálido e fez uma coisa muito estranha (aos meus olhos). Pegou num pano daqueles indianos e tapou os búzios. Depois, com a voz muito estranha disse-me assim:, tal e qual

« - António, o seu urso não me autoriza ler os búzios. Ele é muito forte e os meus guias curvaram-se à chegada dele.»

Depois só repetia muitas vezes: «desculpe, desculpe, mas não posso fazer nada. Tem que sair daqui, eu vou consigo até à porta, mas não nos podemos despedir, você vira as costas e simplesmente vai-se embora».

Astrid, imagine como eu fiquei perturbado e surpreendido com esta situação insólita.

Hoje somos amigos, mas ele continua a recusar-se a ler os búzios para mim.

António Rosa disse...

(continuação – 5)

Outra situação insólita para mim deu-se há uns 4 ou 5 anos. Uma senhora brasileira esteve em Portugal e deu várias palestras sobre vários temas. Eu, já nem me lembro porquê, decidi ir a uma dessas palestras.

A sala estava cheia e ela começou a falar em sincronicidade e coisas similares, mas ela ia lançada na palestra e começou a falar em xamanismo e animais de poder e aí, Astrid, a voz dela começou a arrastar-se, a perder a velocidade que tinha, mas sem perder energia.

Com a sala cheia, lembro-me como se fosse hoje, dela dizer mais ou menos isto: «Senhor, você aí…» E eu a querer passar despercebido e a pensar ‘porque carga de água se está a dirigir a mim?’. Não me conhece. E ela a insistir e a dizer mais ou menos assim: vamos todos ficar quietos, em silêncio, o urso deste senhor quer falar. Olhando para mim perguntou: como se chama? Tive que responder: António.

A partir daí, começou a chamar-me António e naquela voz muito lenta, disse para eu ficar concentrado que o meu urso queria falar comigo.

E falou mesmo e o que me disse foi e dentro da minha mente, as pessoas presentes caladas e a senhora brasileira calou-se durante uns minutos, depois começou a fazer uns sons assim: nhunhunhu.

Eu, calado, de olhos fechados a receber o recado do urso, que me deu um grande abraço. Dias depois criei o meu antigo blogue ‘Postais da Novalis’ que você conheceu perfeitamente.

O recado que entrou na minha cabeça, vinda do urso era simples: já chega de estudar astrologia, agora é preciso praticar.

E comecei a praticar (a dar consultas) em termos públicos, pela primeira vez, quando eu tinha 54 anos.

Já a cansei demasiado com estas histórias.

A última história é muito recente e aconteceu no Congresso de Astrologia, em Maio. Eu estava no bar do congresso a tomar um café quando uma mulher pede licença e senta-se na minha mesa. Sentou-se, disse-me o nome, que reconheci imediatamente, como sendo a dona de um site xamânico e disse só isto: «o seu urso está a enviar-lhe abraços». Levantou-se e foi-se embora. Nem tive tempo de aprofundar o assunto. Nem voltei a vê-la no congresso.

Astrid Annabelle disse...

Para todos que aqui deixaram seus comentários!
Antes de responder a cada um de vocês quero deixar documentado que ao abrir a caixa de comentários no Navegante o contador registrava este número:
110700
Para quem entende de numerologia irá compreender de imediato que estamos:
- sob uma vibração 11...o número do Mestre Professor,
- sob um 7, um número Sagrado
- e mais três 0 (zeros)...o zero significa a Mão de Deus, repetido por três vezes. Isto significa que Deus, ou a Super Consciência, está definitivamente assinando em baixo!
Fiquei arrepiada!!!Emocionada.
Sem dúvida é um instante mágico!
Sintam ....isso tem a ver com cada um de vocês!
Astrid Annabelle

António Rosa disse...

Astrid

Fiquei arrepiado com esses números.

Bençãos para nós.

Beijos.

marcelo dalla disse...

Amiga, que coisa maravilhosa!!!!
é exatamente como me sinto com essas mandalas, como se Deus estivesse assinando embaixo.

Veja, é um trabalho espontâneo, descobri uma forma de fazer mandalas e saí fazendo... e a resposta das pessoas é surpreendente pra mim. Já ouvi muitos relatos que me deixam de queixo caído.

Como a mandala do urso que fiz pro Antônio, não imaginava que tinha tanto significado pra ele...

Fico muito feliz com todas essas sicronicidades. São confirmações do Universo, sem dúvida.

bjo querida

Astrid Annabelle disse...

Marcelo querido!
Sou fã incondicional da espontaneidade.
Todas as vezes que atuei sem pensar muito, seguindo o caminho do coração o resultado é este... o Amor transbordando contaminando tudo e todos!
Foi o que ocorreu aqui!
Suas Mandalas foram criadas assim...pelo coração...aí o resultado salta aos olhos e criam felicidade!
Eu sei que é um "BRUJO" de primeira...você conhece o Castañeda com certeza!
Vou aprender esse negócio do Notepad...sabe, eu nunca tive algum problema em publicar os post. Ontem foi a primeira vez que surgiu este impasse.
Eu tenho um sonho...reunir você o António e mais alguns amigos para uma conversa ao vivo e a cores. Já pensou a energia que seria emanada dessa reunião? O máximo...eu vibro só de pensar!
Um beijo muito agradecido por tudo que cria, diz e faz!
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

Olá Marli querida!
As Mandalas tem o dom de organizar nossa energia. Se você sintonizar com uma que escolher sentirá imediatamente esta reorganização. É uma sensação de plenitude e alegria que dá!
Um beijo gostoso por seu carinho de sempre!
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

Olá Eri!
Que bom ter você por aqui hoje.
Fiquei feliz de saber da sua histórias com os animais de poder.
Sabia que era ligada ...e como!
A nossa experiência com estes animais acontece dessa forma mesmo...em ondas! É um vai e vem constante...quando se torna necessário aparecem!
Eu tenho o golfinho, os, na realidade, comigo desde que freqüento Ubatuba. Aos doze anos, aqui nas praias ainda muito selvagens e desertas,nadava ao lado deles, brincando com eles, livre...totalmente livre. Ao sentir saudade, sentava em uma pedra e chamava por eles...vinham imediatamente. Tudo isso se parece com uma história saída dos Contos de Fadas, mas é real...hoje eles aparecem pouco por conta do barulho humano, mas comigo andam de mãos dadas.
Acima da minha cama existe um quadro pintado por uma cliente/amiga de um casal de golfinhos.Ganhei de presente de aniversário ao completar 50 anos.
Desde então estão comigo ao alcance da minha vista.
Quantas histórias temos para contar não é?
Por hoje é isso.
Adorei conversar com você. Adorei sua visita.
Adoro você!
Beijo gostoso e muito agradecido por tudo!
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

Olá Alê!
Pois é meu querido...dessa vez foi complicado editar o post como gostaria...enfim...no próximo ficará melhor. Isso nunca aconteceu antes.
Para mim Alê, a verdadeira espiritualidade acontece quando o humano se integra à natureza plenamente.
Repare como isso é verdadeiro.
Os japoneses conhecem isso. Assim como outra culturas orientais.
E, se você está aqui hoje, algum recado está sendo passado para você!!!
Um beijo grande.
Astrid Annabelle

Astrid Annabelle disse...

António querido!
Adorei...adorei de verdade.
Vou transformar este seu depoimento no post seguinte...sinto que devo fazer isto!
Imagina se estivéssemos conversando ao vivo e a cores,olho no olho, quantas histórias mais não teríamos para contar....muuuiiitttaaass!
Vou preparar o post agora...até já.
Beijo grandão e muito agradecido.
Astrid Annabelle

Adelaide Figueiredo disse...

Astrid,

Adorei ver o seu post e ler todos estes comentários e o que o António escreveu.
Não tenho muito conhecimento sobre o assunto, mas achei interessante.
Vou agora ver o outro post seguinte.

Beijo

Astrid Annabelle disse...

Olá Adelaide, e eu adorei que veio até aqui participar desse momento mágico!
Vá ler sim...é um depoimento lindo.
Beijo gostoso e até lá.
Astrid Annabelle

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

FLORES SÃO SEMPRE UMA ALEGRIA...

FLORES SÃO SEMPRE UMA ALEGRIA...
imagem google imagens